ana.jpg Ana Paula do Rego
Formada em Jornalismo pela Universidade Cruzeiro do Sul e Pós-Graduada em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário (ABJL). Posso me resumir pelas tentativas, pelas longas caminhadas, pelo prazer de escrever, conhecer, sonhar. Nas horas vagas: Ler muito e observar a literatura presente nas pessoas e em nosso dia-a-dia.
Contato: anadorego@ig.com.br

Erika Morais
Jornalista, corinthiana e sagitariana. Não necessariamente nessa ordem.
Com esse perfil você deve achar que eu falo muito. E é verdade. Mas também gosto de escutar. Todo tipo de história, principalmente histórias de vidas. Gosto de escrever sobre elas. Gosto de ler o que escrevem sobre elas. Vejo encanto e beleza nas histórias, sejam elas alegres ou tristes. Gosto do traço de humanidade que sempre conseguimos tirar delas. Seria injusto falar dos meus preferidos, mas continuo afirmando que Gay Talese, Hunter Thompson e Eduardo Coutinho podem fazer coisas absurdas com a vida das pessoas. Já eu, sigo tentando, testando, aprendendo.
Contato: erikamorais@yahoo.com.br

felipe.jpg Felipe Modenese
Apesar de muito empenho, os anos de ciência exatas não me afastaram das humanas. No final de 2005, meu primeiro ano de doutorado em Física Médica, já buscando “ar puro”, uma nova carreira que pendia para o Jornalismo, ainda não descobri como, chegou o convite para o mundo das narrativas. Entrei de cabeça e minha vida têm mudado muito desde então. Meu estar-no-mundo é outro. Meu interesse específico (nem um pouco restritivo) tem sido fazer narrativa de ciência. Extrair o extraordinário do prosaico, a beleza dos processo e a poética do real são minhas buscas destes dias.
Contato: felipe.modenese@gmail.com

fred.jpg Fred Linardi
Olá! Sou Fred Linardi, jornalista que faz questão de nunca parar de escrever. Em 2005 me formei na Universidade Mackenzie e logo depois fiz pós-graduação na ABJL, onde me especializei em Jornalismo Literário. Entre colaborações para revistas, traduções e outros trabalhos com texto, escrevo aqui no Narravidas. De olho nas pessoas e lugares, relato em meus textos o que vejo e vivencio nesse mundo de infinitas histórias reais que me perseguem ou me fazem perseguí-las.
Contato: fred.linardi@gmail.com

lu_taddeo.jpg Luciana Taddeo
Dou passagem no trânsito, economizo água, não jogo lixo no chão e não uso carteirinha de estudante falsificada. Sou uma simples cidadã que acredita que o jornalismo pode mudar o mundo (nem perca seu tempo em tentar me convencer do contrário). Este será um laboratório em que testarei maneiras de escrever sobre a vida, abordando o comum e o diferente, com o eterno desafio de sensibilizar, emocionar, apaixonar. Porque tudo pode ser belo se olharmos com olhos atentos.
Contato: lucitaddeo@yahoo.com.br

Maria Lígia Pagenotto
Sempre soube que, de algum jeito, meu caminho nesta vida seria o das letras. Por isso fui fazer faculdade de jornalismo (nos anos 1980). Repórter e redatora, peno em vários lugares, mas quando sento na mesa de bar com meus coleguinhas, tendo a achar que nós, jornalistas, temos a melhor profissão do planeta. Discutimos jornalismo literário à violência urbana, veganismo, picaretagem na comunicação, planos para o futuro e a salvação da gente por meio da escrita. Pra entender melhor da vida, ingressei no mestrado em Gerontologia da PUC-SP. Estudo o envelhecimento pelo viés das ciências humanas e, como Arnaldo Antunes, acho que a coisa mais moderna que existe nesta vida é envelhecer. Mas quero mesmo é saber como envelhecem os jornalistas. Com meus textos, busco sensibilizar as pessoas para a construção de um mundo mais justo. É um pouco por esta via que pretende que Isadora e Francisco, meus filhos, percebam que a vida é dura, mas é bela e tão boa.
Contato: mligiap@uol.com.br

silvia.jpg Silvia Noara Paladino
“Como é difícil encontrar o que está dentro de nós mesmos”. Já não me recordo da fonte dessa frase, mas quanta verdade há em tão poucas palavras. Conhecer a si mesmo é a pergunta e a resposta. É o começo e o fim. Nenhuma explicação me satisfaz mais do que essa. E relatar histórias da vida real é reconhecer também as próprias mãos que deslizam sobre este teclado. Eu espero, do fundo do coração, que o Narravidas promova a você, caro leitor, a mesma experiência. Aquela em que se compreende o ciclo dinâmico e complexo da vida, a partir de personagens tão falhos quanto belos e humanos. Contato: silvianoara@gmail.com

suzana.jpg Suzana Vier
Olá leitor, você entrou no Narravidas procurando bons textos, narrativas humanizadas e diferentes?! Pois é, eu também estou em busca de textos criativos e vivos, de narrativas que levem o leitor a sentir emoções, captar aromas, imaginar texturas e cores. A busca vem desde a faculdade, nos jardins da Universidade Estadual Paulista – Unesp, campus de Bauru, e se estende à minha atuação profissional como assessora de imprensa. É uma longa jornada que ganhou fôlego com a Especialização em Jornalismo Literário pela ABJL (Edvaldo, Sérgio, Celso…bons caras!). Espero que você leitor seja nosso cúmplice nessa jornada. Bem-vindos ao Narravidas e bons dias a todos/as.
Contato: suzanavier@gmail.com

wagner1.jpg Wagner Hilário Padula Borges
Nasci no último dia da primavera do ano de 1980. Sou o caçula de uma família de dois filhos homens. Pretenso poeta, gosto de idéias, de diluí-las em verso, para que tenham longa existência, se não pela essência, ao menos pela estética. Sou jornalista desde 2003 – desde sempre talvez. Sou pai, mas, sem a mãe, não seria… Escrevo as linhas da minha vida, a cada nascente, a cada poente. Porém, eu bem sei: a arte que existe nelas são vocês.
Contato: wagnerhilario@yahoo.com.br